Fin Adviser

Notícias

Blog Image

  24 Jullo 2019  

CIAM participa de Seminário sobre jornalismo e imprensa dos Países de Língua Portuguesa

Uma delegação do Centro de Imprensa Aníbal de Melo (CIAM), encabeçada pelo seu Director Geral, participa desde hoje, 23 de Julho, até ao próximo dia 12 de Agosto, no Seminário de Jornalistas e Oficiais de Imprensa dos Países de Língua Oficial Portuguesa, a decorrer em Pequim, num patrocínio do Ministério do Comércio da República Popular da China.

O CIAM integra um grupo de vários órgãos de comunicação social e instituições de imprensa países de língua oficial portuguesa, provenientes de Angola, Brasil, Moçambique, Guiné Bissau, Portugal, São Tomé e Príncipe e Cabo Verde.

Silvério Lima, director da Rádio Nacional de São Tomé e Príncipe e representante dos países participantes, fez questão de destacar a importância do evento servir de ponte para promoção da amizade e cooperação entre a China e os países de Língua Portuguesa.

"Este encontro serve para fortalecermos mais a amizade e a cooperação, através de discussões e investigações mútuas e promover o desenvolvimento dos recursos humanos, económico e social dos nossos países", disse Silvério Lima.

Por seu lado, Li Hengtian , vice-director do Centro de Formação da Administração de Publicações em Línguas Estrangeiras da China, justificou a organização do evento, com a necessidade do seu país aprofundar a confiança política mútua, bem como conferir um novo impulso ao comércio chinês com os dos países de língua portuguesa.

"Nos últimos anos, as interacções em todos os níveis entre a China e os países de língua portuguesa tornaram-se cada vez mais frequentes. Os dois lados aprofundaram a confiança política mútua, aumentaram visitas mútuas de alto nível e fortaleceram cooperações locais", disse o responsável chinês.

Segundo ainda o vice-director, através das plataformas multilaterais, como o Fórum Cinturão e Rota para Cooperação Internacional, Fórum para a Cooperação Económica e Comercial entre a China e os Países de Língua Portuguesa, bem como visitas mútuas bilaterais de alto nível, a cooperação política e o comércio entre a China e os países de língua portuguesa tornaram-se mais fortalecidas.

"Através de uma série de semanas culturais, festivais de arte culturais, fóruns culturais e outras actividades, a comunicação cultural entre a China e os países de língua portuguesa tem-se aprofundado, melhorando ainda mais a compreensão mútua e a cognição social entre os nossos povos", acrescentou Li Hengtian.

Do vasto programa de trabalhos a ser cumprido pelos participantes ao Seminário de Jornalistas e Oficiais de Imprensa dos Países de Língua Portuguesa destacam-se visitas de estudos aos órgãos de imprensa chinês, rádios e televisões, contacto com profissionais da imprensa chinesa, partilha de experiências na vertente do jornalismo e do serviço de imprensa e a rede nacional de livros e periódicos.

O Seminário coincide com as proximidades das comemorações do 70º aniversário da fundação da República Popular da China.